Acerca de mim

A minha foto

First started teaching at the age of 12, football tactics among friends, moving on to coaching volleyball teams, then digging deep into Human nature through Yoga and finally through TM.

Turned into language teaching through TEFL and for the past 22 years have been developing and implementing training systems in the Portuguese real estate industry, blending both together, and helping non-speakers in their plight to learn the professional jargons that make up real estate activities in Portugal.

segunda-feira, janeiro 02, 2006

Egi-Learning, um exemplo a seguir

O Egi-Learning da Escola Superior de Tecnologia e Gestão da Guarda, projecto que entre outros envolve a disponibilização complementar, em linha, dos conteúdos das cadeiras dos cursos presenciais, parece-me um excelente exemplo de como, inovando, o e-Learning pode servir de alavanca para combater as desvantagens da interioridade, prestigiando uma instituição e, simultaneamente, facilitando a vida aos alunos e aumentando o seu rendimento.É um exemplo igualmente brilhante de «revolução de mentalidades» e fomento tácito das «e-competências», tanto em quem frequenta os cursos como da totalidade dos docentes que acederam a cooperar e - por conseguinte - tiveram necessidade de se familiarizar com os novos formatos.Luminoso, ainda, no que representa de desbloqueio de certa mentalidade «fechada» e sectarista que entende que o conhecimento e actividades académicas constituem uma forma de «segredo», que não pode ser partilhado «fora de portas»; aliás um dos obstáculos a uma utilização mais intensiva do e-Learning entre muitas universidades nacionais.A página pode normalmente ser visitada no endereço:http://egi-learning.ipg.pt/Que vos parece?


Estão de acordo comigo? Conhecem mais instituições de ensino que tenham adoptado uma estratégia similar?


Cito Hugo Valentim

Sem comentários: