Acerca de mim

A minha foto

First started teaching at the age of 12, football tactics among friends, moving on to coaching volleyball teams, then digging deep into Human nature through Yoga and finally through TM.

Turned into language teaching through TEFL and for the past 22 years have been developing and implementing training systems in the Portuguese real estate industry, blending both together, and helping non-speakers in their plight to learn the professional jargons that make up real estate activities in Portugal.

quarta-feira, janeiro 04, 2006

Porque criei o site da Real Estate Practice - Formação Imobiliária

A Real Estate Practice tem como missão a formação imobiliária integrada nas actividades de Mediação e Angariação Imobiliária, sendo esta completada pela fomentação da colaboração activa entre profissionais.


Como visão, o reconhecimento do mérito dos mediadores licenciados e angariadores inscritos, competentes e bem formados nas suas profissões, por parte dos consumidores.


Ao longo dos anos, desde a década de 80, e apesar dos esforços regulamentares iniciados pelo CMOPPI, secundados pelo IMOPPI, onde não devemos esquecer o trabalho em prol da actividade por parte da APEMIP, continua a faltar uma ligação concertada entre a prática do mediador, o empenho do formador e a legislação em si.

Situação essa agravada pela limitação imposta, por motivos correctos e necessários, à nova figura de angariador: Pessoa jurídica que carece de ajuste à realidade profissional e orgânica das actividades.

O esforço legislativo do IMOPPI é em si louvável. E de todo necessária. Por isso, cabe aos profissionais saberem digerir e incorporar os deveres que sobre si recaem, e contribuir com os seus pareceres junto do IMOPPI; Necessita-se que se enriqueça as pessoas jurídicas do mediador e angariador imobiliário, que se faça a ponte, viabilize a sua implementação, de modo que a legislação futura reflicta a prática das actividades.

Neste sentido, os profissionais devem associar-se, sendo a APEMIP de facto a entidade que melhor perfaz esse papel representativo. E as entidades formadoras devem ultrapassar os obstáculos que limitam a sua capacidade de resposta e ajustar a formação por si dada ao quadro eminentemente prático das actividades.

São os mediadores e angariadores imobiliários que pedem esse ajuste de conteúdos programáticos que eles mesmos desejam conhecer e praticar mais e melhor.

Este site tem a virtude de ser um "laboratório" orientado que fornece ferramentas de qualidade, especializadas e dedicadas a estas actividades em Portugal.

Serve de portal para a mediação e angariação imobiliária. E, por isso, incentiva o SMAI "Sistema Múltiplo de Angariação Imobiliária" conhecido como MLS, o intercâmbio de "links" entre websites nacionais e directórios direccionados e localizados em toda a Europa e a América do Norte.

1 comentário:

Anónimo disse...

Por que nao:)